História do BrasilIndustria Automobilistica JK Tópico resolvido

Moderador: [ Moderadores TTB ]

Avatar do usuário
Autor do Tópico
WalissonDX
iniciante
Mensagens: 3
Registrado em: Seg 04 Fev, 2019 00:16
Última visita: 06-02-19
Fev 2019 04 00:22

Industria Automobilistica JK

Mensagem não lida por WalissonDX » Seg 04 Fev, 2019 00:22

“O Plano de Metas previa que fosse alcançada a
produção de 170 mil veículos anualmente (automóveis,
utilitários, caminhões e ônibus), [...]. As metas
quantitativas eram acompanhadas de metas referentes
a índices de nacionalização: 95% para automóveis e
90% para os demais. [...] A estratégia do governo para
o setor automobilístico baseou-se na garantia de reserva
de mercado às firmas entrantes: tornou-se impossível
importar autoveículos em fase de restrições de toda a
sorte [...]”
ABREU, Marcelo de Paiva. O processo econômico. In:
SCHWARCZ, Lilia M. (direção) História do Brasil Nação: 1808-
2010. V. 4. Olhando para dentro, 1930-1964. Coord. Ângela de
Castro Gomes. Rio de Janeiro: Objetiva, 2013. p. 215-6.
A fabricação de automóveis tornou-se o verdadeiro ícone
da modernidade, sendo um dos pontos de destaque do
Plano de Metas de Juscelino Kubitschek.
Considerando a implementação dessa meta, é correto
afirmar:
A) A produção interna de veículos foi um dos
recursos aplicados pelo governo para frear a
grande importação dominante no período.
B) Para implementá-la, foi criado o Grupo Executivo
da Indústria Automobilística para garantir total
nacionalização dessa indústria até o final do
governo.
C) O governo JK assumiu uma postura francamente
protecionista em relação a esse setor da
economia nacional.
D) Para barrar a concorrência com automóveis
de luxo estadunidenses, a FNM produziu o
automóvel JK ou FNM 2000.

O Gabarito indica a letra C como a correta,porém tbm acho que letra A esta correta, alguem poderia me dar uma luz, pesquisei bastante aqui é nao cheguei a uma conclusão.




Avatar do usuário
Brunoranery
5 - Mestre
Mensagens: 970
Registrado em: Qua 28 Jun, 2017 15:01
Última visita: 20-02-19
Agradeceu: 169
Agradeceram: 783
Fev 2019 04 10:48

Re: Industria Automobilistica JK

Mensagem não lida por Brunoranery » Seg 04 Fev, 2019 10:48

Olá Walisson,
A a) está errada, pois apesar do JK realmente tentar produzir os veículos internamente, não freou as importações, tendo em vista que a indústria nacional não tinha condições de disputar com a automobilística estrangeira.

c) Correta, pois JK foi muito receptivo ao capital externo e às indústrias, especialmente as automobilísticas, tendo um comportamento totalmente oposto ao de Getúlio Vargas.



Ajudei-te? Confira minhas resoluções no canal: https://www.youtube.com/channel/UCFy9BChtDB9V2GfvtRvWwqw
Projeto Med.

Avatar do usuário
Autor do Tópico
WalissonDX
iniciante
Mensagens: 3
Registrado em: Seg 04 Fev, 2019 00:16
Última visita: 06-02-19
Fev 2019 04 12:03

Re: Industria Automobilistica JK

Mensagem não lida por WalissonDX » Seg 04 Fev, 2019 12:03

Obrigado pela ajuda,ate mais



Avatar do usuário
Valdir
Pleno
Mensagens: 63
Registrado em: Dom 17 Jun, 2018 20:19
Última visita: 05-08-19
Agradeceu: 65
Agradeceram: 7
Fev 2019 04 15:35

Re: Industria Automobilistica JK

Mensagem não lida por Valdir » Seg 04 Fev, 2019 15:35

Brunoranery escreveu:
Seg 04 Fev, 2019 10:48
Olá Walisson,
A a) está errada, pois apesar do JK realmente tentar produzir os veículos internamente, não freou as importações, tendo em vista que a indústria nacional não tinha condições de disputar com a automobilística estrangeira.

c) Correta, pois JK foi muito receptivo ao capital externo e às indústrias, especialmente as automobilísticas, tendo um comportamento totalmente oposto ao de Getúlio Vargas.
Eu tinha interpretado a afirmativa que ele adotou uma postura protecionista como se ele tivesse impedindo de entrar indústrias estrangeiras através de impostos e não que ele estivesse acobertando a entrada dessas indústrias.



Avatar do usuário
Autor do Tópico
WalissonDX
iniciante
Mensagens: 3
Registrado em: Seg 04 Fev, 2019 00:16
Última visita: 06-02-19
Fev 2019 04 18:27

Re: Industria Automobilistica JK

Mensagem não lida por WalissonDX » Seg 04 Fev, 2019 18:27

essa questão caiu na proa cbmg,que aconteceu dia 20 de janeiro, é esta dando uma certa polêmica, alguns professores acham que ela possa ser anulada por a alternativa "A" está tbm correta,haja vista algumas fonte bibliográficas.



Avatar do usuário
Brunoranery
5 - Mestre
Mensagens: 970
Registrado em: Qua 28 Jun, 2017 15:01
Última visita: 20-02-19
Agradeceu: 169
Agradeceram: 783
Fev 2019 06 09:30

Re: Industria Automobilistica JK

Mensagem não lida por Brunoranery » Qua 06 Fev, 2019 09:30

Olha, eu estava relendo a C e achei meio estranha. Como um presidente que deixa capital externo entrar pode ter postura, em relação às indústrias automobilísticas, francamente protecionista?
Parece que ele teve duas posturas distintas. Pelo o que parece, ele abriu o país até certo ponto e viu que se tornou insustentável por conta dos problemas econômicos gerados por ceder tanto para empresas estrangeiras. Agora que fui entender isso.

Não sei se essa questão vai ser anulada ou não, pois questões de humanas possuem diversas interpretações. Temos até algumas que possuem 2 itens corretos, mas simplesmente um é mais do que o outro.
Não sabemos se a produção interna foi pra frear as importações ou só para desenvolver internamente. Pois como eu vou barrar empresas super desenvolvidas com uma criada recentemente com o nível tecnológico que nem se compara? Talvez ele simplesmente tentou suprir uma demanda, mas teve uma atitude protecionista instituindo impostos. Agora essa medida podemos dizer que foi para frear a importação.

Eu defendo que para a produção interna barrar a importação dominante, tem que haver qualidade igual ou superior. Ninguém, que tenha dinheiro, vai querer escolher um produto ruim que costuma dar defeito, com menor qualidade e custo benefício, em detrimento de um produto importado de qualidade.



Ajudei-te? Confira minhas resoluções no canal: https://www.youtube.com/channel/UCFy9BChtDB9V2GfvtRvWwqw
Projeto Med.

Responder

Voltar para “História do Brasil”