Genética, Citologia e BioquímicaHeredograma e Probabilidade para o Albinismo Tópico resolvido

Moderador: [ Moderadores TTB ]

Avatar do usuário
Autor do Tópico
Liliana
Ultimate
Mensagens: 975
Registrado em: Ter 11 Out, 2016 21:17
Última visita: 07-02-19
Out 2017 02 19:36

Heredograma e Probabilidade para o Albinismo

Mensagem não lida por Liliana »

Na espécie humana, o albinismo oculocutâneo é uma alteração genética que afeta a pigmentação dos cabelos, pele e olhos. Essa condição pode ser determinada por um gene com herança autossômica recessiva.
O heredograma mostra uma família em que a condição está presente. O casal III 2 e III 3 está esperando um casal de gêmeos:
slm3.JPG
slm3.JPG (8.38 KiB) Exibido 3939 vezes
Considerando que, na população, uma em cada 50 pessoas (1/50) é heterozigótica para o albinismo, a probabilidade de que as duas crianças sejam albinas é:
(A)1/160.000
(B)1/90.000
(C)1/40.00
(D)1/200
(E)1/150




Avatar do usuário
Bira
2 - Nerd
Mensagens: 103
Registrado em: Ter 25 Abr, 2017 22:36
Última visita: 10-05-20
Localização: Maceió - AL
Contato:
Out 2017 02 20:21

Re: Heredograma e Probabilidade para o Albinismo

Mensagem não lida por Bira »

Olá, é dito no enunciado que o albinismo é uma doença com herança autossômica recessiva, vamos trabalhar com "A" para o alelo dominante e "a" para o recessivo. Então veja pelo heredograma no cruzamento de II-2 com II-3 que necessariamente estes indivíduos serão heterozigotos, já que eles dão origem a um ser duplo recessivo aa (III-1).

Agora, vamos investigar o ser III-2, temos pelo heredograma que ele não é afetado pela doença, logo ele poderá ser AA ou Aa. Do cruzamento de dois seres heterozigotos (II-2 e II-3), temos que a probabilidade desse indivíduo vir a ser heterozigoto é de 2/3 (probabilidade condicional: ser heterozigoto dado que não manifesta a doença recessiva).

Então vamos analisar o ser III-3, a probabilidade de ele ser heterozigoto para a doença é 1/50 como o dito no enunciado. Ao haver o cruzamento de III-2 e III-3 a probabilidade de dar origem a um ser homozigoto é de 1/4 (já que estamos no cenário em que ambos são heterozigotos).

Vamos recapitular: a probabilidade de um filho ser homozigoto recessivo é: [tex3]p=\frac{2}{3}*\frac{1}{50}*\frac{1}{4}=\frac{1}{300}[/tex3] , mas queremos a condição em que o primeiro e o segundo filho são albinos, vale notar que são um casal de gêmeos, logo, bivitelinos e por isso podemos tratar como dois filhos "separados", então temos: [tex3]p=\frac{1}{300}*\frac{1}{300}=\frac{1}{90000}[/tex3] , espero que tenha te ajudado.

Última edição: Bira (Seg 02 Out, 2017 20:47). Total de 1 vez.



Avatar do usuário
Autor do Tópico
Liliana
Ultimate
Mensagens: 975
Registrado em: Ter 11 Out, 2016 21:17
Última visita: 07-02-19
Out 2017 02 20:49

Re: Heredograma e Probabilidade para o Albinismo

Mensagem não lida por Liliana »

Pensando dessa forma, então a probabilidade de ambos os pais serem heterozigoto é de 1/75, e a probabilidade de cada filho ser homozigoto recessivo é 1/4, então por que eu não posso fazer [tex3]1/75*1/4*1/4[/tex3] ??
Sei que não tem essa alternativa, mas se fosse em uma prova dissertativa, eu faria assim, eu acho...



Avatar do usuário
Bira
2 - Nerd
Mensagens: 103
Registrado em: Ter 25 Abr, 2017 22:36
Última visita: 10-05-20
Localização: Maceió - AL
Contato:
Out 2017 02 21:42

Re: Heredograma e Probabilidade para o Albinismo

Mensagem não lida por Bira »

Então, creio que seja um pouco confuso de entender, mas é que a diferença é muito sutil, creio que a diferença está em "que as crianças sejam albinas" ao invés de "darem origem a duas crianças albinas".
Talvez fique mais claro se analisarmos esses dois eventos ocorrendo de forma independente, imagine que os dois filhos já existem, ou seja, estamos analisando apenas a probabilidade deles surgirem com essa doença. Disso, nós calculamos a probabilidade de um filho ser homozigoto, que vai levar em consideração, a chance do pai e mãe serem heterozigotos e haver um cruzamento que resulte nesse genótipo recessivo, como foi visto é [tex3]\frac{1}{300}[/tex3] . A probabilidade do segundo filho ser recessivo é a mesma do primeiro, ela não é condicionada, por isso não podemos simplesmente multiplicar novamente por 1/4, porque antes de poder multiplicar novamente por esse valor, é necessário que haja todas aquelas outras condições satisfeitas.



Avatar do usuário
Autor do Tópico
Liliana
Ultimate
Mensagens: 975
Registrado em: Ter 11 Out, 2016 21:17
Última visita: 07-02-19
Out 2017 03 09:46

Re: Heredograma e Probabilidade para o Albinismo

Mensagem não lida por Liliana »

Entendi!! Ficou bem claro agora. Obrigada!!! :D:D




Responder
  • Tópicos Semelhantes
    Respostas
    Exibições
    Última msg
  • Nova mensagem (UNB) Albinismo
    por Liliana » » em Genética, Citologia e Bioquímica
    1 Respostas
    1343 Exibições
    Última msg por Auto Excluído (ID:20809)
  • Nova mensagem (Fameca- 2014) Heredograma e Doença
    por Liliana » » em Genética, Citologia e Bioquímica
    2 Respostas
    943 Exibições
    Última msg por Liliana
  • Nova mensagem Heredograma
    por lgcg » » em Genética, Citologia e Bioquímica
    1 Respostas
    725 Exibições
    Última msg por Auto Excluído (ID:20809)
  • Nova mensagem Genética heredograma
    por Willrf » » em Genética, Citologia e Bioquímica
    2 Respostas
    292 Exibições
    Última msg por MateusQqMD
  • Nova mensagem Heredograma
    por Alinee » » em Genética, Citologia e Bioquímica
    1 Respostas
    603 Exibições
    Última msg por Augustus

Voltar para “Genética, Citologia e Bioquímica”