Literaturanaturalismo Tópico resolvido

Moderador: [ Moderadores TTB ]

Avatar do usuário
Autor do Tópico
Madu1
Elite
Mensagens: 161
Registrado em: Seg 14 Jan, 2019 12:58
Última visita: 11-11-19
Agradeceu: 20
Agradeceram: 7
Abr 2019 27 14:03

naturalismo

Mensagem não lida por Madu1 » Sáb 27 Abr, 2019 14:03

Texto I
Daí a pouco, em volta das bicas era um zunzum crescente, uma aglomeração tumultuosa de machos e fêmeas.
Uns, após outros, lavavam a cara, incomodamente, debaixo do fo de água que escorria da altura de uns cinco palmos.
O chão inundava-se. As mulheres precisavam já prender as saias entre as coxas para não as molhar; viase-lhes a tostada nudez dos braços e do pescoço, que elas despiam, suspendendo o cabelo todo para o alto do casco; os homens, esses não se preocupavam em não molhar o pêlo, ao contrário metiam a cabeça bem debaixo da água e esfregavam com força as ventas e as barbas, fossando e fungando contra as palmas das mãos. As portas das latrinas não descansavam […]
AZEVEDO, Aluísio. O cortiço. São Paulo: Martins, 1968. p. 43.


Texto II
Subiu a construção como se fosse máquina
Ergueu no patamar quatro paredes sólidas
Tijolo com tijolo num desenho mágico
Seus olhos embotados de cimento e lágrima
Sentou pra descansar como se fosse sábado
Comeu feijão com arroz como se fosse um príncipe
Bebeu e soluçou como se fosse um náufrago
Dançou e gargalhou como se ouvisse música
E tropeçou no céu como se fosse um bêbado
E flutuou no ar como se fosse um pássaro
E se acabou no chão feito um pacote flácido
Agonizou no meio de um passeio público
Morreu na contramão atrapalhando o tráfego.
HOLLANDA, Chico Buarque de. “Construção” . Disponível em: <http://www.chicobuarque.com.br>. Acesso em: 21 ago. 2010 (fragmento).


03. Realismo e Naturalismo: O texto naturalista de Aluísio Azevedo e o poema-canção de Chico Buarque fazem um retrato da vida proletária. Ambos apresentam como característica comum:
A) a visão determinista.
B) a ênfase no mundo interior das personagens.
C) a linguagem objetiva e descritiva.
D) a desumanização das personagens.
E) a evasão.
Resposta

d
Por que não pode ser a letra C?




Avatar do usuário
Sypru
3 - Destaque
Mensagens: 219
Registrado em: Qui 22 Fev, 2018 19:57
Última visita: 09-11-19
Localização: Universo
Agradeceu: 5
Agradeceram: 151
Contato:
Out 2019 13 01:31

Re: naturalismo

Mensagem não lida por Sypru » Dom 13 Out, 2019 01:31

Olá, o grande erro é na palavra "objetiva". Não há uma objetividade crua nas passagens dos dois textos. Objetividade é o que menos temos aqui, há um subjetivismo característicos de ambos os períodos literários. Além do grande erro estar na palavra "objetiva", há também um erro no adjetivo "descritiva". A descrição é bem mais presente no primeiro excerto, sendo que descrição trata-se de um característica descritiva acerca do ambiente.



"Eu não sou eu nem sou o outro,
Sou qualquer coisa de intermédio:
Pilar da ponte de tédio
Que vai de mim para o Outro" - Mário de Sá-Carneiro.

Responder

Voltar para “Literatura”