Página 1 de 1

(PSC 2014) Regência Verbal

Enviado: Sáb 02 Nov, 2019 23:15
por Polímero17
06. A espécie humana, desde há muito, aspira o conhecimento do cosmos. No momento, embora travada por crises econômicas diversas, prossegue a corrida espacial. Na verdade, poderíamos dizer que assistimos nova escalada no rumo das estrelas. Cada nova descoberta – de planetas, estrelas, galáxias – implica em novas deduções, em novas esperanças de, quem sabe, encontrarmos vida complexa fora da Terra. Entretanto, nunca podemos esquecer das longas distâncias que, aliadas à pequenez e à insignificância do homem, tornam quase impossível o sonho das viagens intergalácticas.
Vale a pena perguntar se não seria melhor preferirmos nosso planeta do que vagar pela imensidão em busca do improvável.

No texto acima, a regência verbal corretamente empregada é:

a) poderíamos dizer que assistimos nova escalada no rumo das estrelas
b) A espécie humana, desde há muito, aspira o conhecimento do cosmos
c) nunca podemos esquecer das longas distâncias
d) se não seria melhor preferirmos nosso planeta do que vagar pela imensidão
e) Cada nova descoberta [...] implica em novas deduções
Resposta

e


Como ficariam as fases erradas, escritas na forma certa?
E na alternativa e), eu poderia tirar o "em" e continuaria certo?
Ou sempre devo colocar as preposições acompanhadas de verbos como esse?

Re: (PSC 2014) Regência Verbal

Enviado: Dom 03 Nov, 2019 09:17
por csmarcelo
a) Assistir, no sentido de ver, exige preposição. Sem ela, é sinônimo de prestar socorro, ajudar.

"poderíamos dizer que assistimos à nova escalada no rumo das estrelas"

b) Aspirar, no sentido de almejar, também requer preposição. Sem ela, é sinônimo de respirar, inalar, sugar, etc.

"A espécie humana, desde há muito, aspira ao conhecimento do cosmos"

c) Usando a preposição de, o correto é haver conjugação pronomial.

nunca podemos nos esquecer das longas distâncias

d) não existe preferir "algo do que outro". O correto é "prefiro isso àquilo".

se não seria melhor preferirmos nosso planeta a vagar pela imensidão

e) eu não lembrava da regência do verbo "implicar", fui pesquisar e, aparentemente, essa opção também está errada.
Verbo implicar sem regência de preposição
O verbo implicar atua como um verbo transitivo direto, estabelecendo regência sem a presença de uma preposição com os seguintes sentidos:
Quando indica o ato de acarretar como consequência, sendo sinônimo de provocar, causar, acarretar, originar,...
Quando indica o ato de requerer como imprescindível, sendo sinônimo de requerer, exigir, pressupor,...

Verbo implicar com regência da preposição em
O verbo implicar atua como um verbo transitivo direto e indireto, estabelecendo regência com a preposição em quando apresenta o sentido de envolver alguém em alguma complicação ou embaraço, sendo sinônimo de comprometer, enredar, envolver, incluir,...
Fonte: Regência do verbo implicar

Re: (PSC 2014) Regência Verbal

Enviado: Seg 04 Nov, 2019 22:41
por Polímero17
Muito obrigado pela resposta e pesquisa csmarcelo!